Home Empréstimo Razões para ter uma segunda conta bancária

Razões para ter uma segunda conta bancária

0
Razões para ter uma segunda conta bancária

O aumento das taxas das contas bancárias aumentou acentuadamente nos últimos anos. Assim como ter as condições necessárias para se livrar dessas taxas crescentes. Estamos falando de até 1000 reais se você não atender a todos os requisitos, então vale a pena ter uma segunda conta bancária em sua família?

Hoje falaremos sobre duas coisas: por um lado, se é ou não necessário ter uma segunda conta bancária para a economia familiar e. Por outro lado, se existe uma maneira de ter uma conta bancária sem taxas e sem um salário (ou qualquer outro requisito de vinculação).

Segunda conta bancária é necessária?

Na verdade, devemos quase falar de uma terceira ou quarta conta bancária da família. Se aceitarmos uma família com ambos os membros adultos fornecendo algum tipo de renda regular, já partimos da obrigação de duas contas bancárias diferentes para poder depositar os salários. O mesmo se aplica se houver renda proveniente de pensões ou algum tipo de benefício.

No exemplo de uma família com dois membros adultos fornecendo renda recorrente, já estamos falando se é ou não rentável ter uma terceira conta bancária, pois assumimos que cada adulto tem que ter sua própria conta.

Muitos clientes têm o suficiente com uma conta bancária e não consideram sequer abrir uma segunda conta em outro banco. No entanto, ter uma única conta pode acabar sendo contraproducente: o que acontece se o banco decidir bloqueá-la. Ou se o cartão for perdido, ou se um dia o aplicativo ou website do banco estiver em baixo e precisarmos fazer uma transferência urgente? Nesses casos, uma segunda conta corrente pode ser muito útil.

Os especialistas do Top5Melhores recomendam ter pelo menos uma conta secundária que pode servir como alternativa se a conta principal tiver um problema. Além disso, acrescenta, o ideal é que seja uma conta sem taxas e que não exija nenhum tipo de vínculo. Para que você não tenha que pagar nenhuma taxa por ter essa segunda conta ou atender a quaisquer requisitos para tê-la.

Conta bancária bloqueada

Segundo o Banco Central, uma instituição pode bloquear uma conta por três razões diferentes: a primeira e mais comum é quando o usuário não forneceu a documentação de identificação exigida pelo banco. Por exemplo, quando o cartão de identificação expirou e a instituição não recebeu informações atualizadas.

O segundo caso pode ocorrer devido à Lei de Lavagem de Dinheiro e Financiamento do Terrorismo. O banco pode se valer dos regulamentos se desejar descobrir a origem da renda ou detectar movimentos aparentemente irregulares ou incomuns na conta. Neste cenário, o banco exige prova da origem e das razões para estes movimentos e, até que isto seja resolvido, a conta permanecerá bloqueada.

O último cenário no qual um banco pode bloquear uma conta é quando há desacordos significativos entre os titulares da conta. Coordenando e executando transações incompatíveis ou contraditórias.

Qualquer que seja o cenário, o Banco central estipula que o banco não pode bloquear a conta sem aviso prévio a fim de evitar causar danos ao usuário, caso contrário estaria se afastando do código de boas práticas bancárias. Pois bloquear a conta significaria que o titular da conta não seria capaz de realizar qualquer tipo de transação.

Na prática, muitos clientes acabam tendo sua conta corrente bloqueada. Nesses casos, ter uma conta alternativa com uma quantia mínima de dinheiro será útil para administrar as finanças do dia-a-dia (pagar por compras com cartão, retirar dinheiro, fazer transferências, etc.) até que o problema com a conta principal seja resolvido.

O cartão não funciona

Usamos cada vez mais cartões, mas a qualquer momento podemos ficar sem eles. Seja por desgaste, perda ou roubo, nosso cartão de débito ou de crédito pode se tornar inoperante e, se não tivermos outro, teremos que esperar que o banco nos envie um novo antes de podermos utilizá-lo. 

Além disso, o banco também pode bloquear o cartão se detectar que foram feitas transações incomuns, tais como pagamentos no exterior. Para o banco, detectar pagamentos em certos países quando nunca foram feitos antes pode ser sinônimo de clonagem ou mesmo roubo de cartão. Como resultado, o banco pode bloquear o cartão.

Alguns bancos oferecem soluções para clientes que acabam com um cartão bloqueado. Por exemplo, eles permitem que você solicite um novo cartão e o ligue a uma carteira para pagar as compras nas lojas com seu telefone celular antes de recebê-lo fisicamente, mas esta não é uma prática comum. 

O que é cada vez mais comum é que os bancos permitam o saque de dinheiro nos caixas eletrônicos sem cartão. Geralmente solicitando um código através do aplicativo móvel. Em qualquer caso, se o cliente tem uma segunda conta com o cartão correspondente, ele pode utilizá-la enquanto seu banco lhe envia um novo cartão.

O banco online ou o aplicativo do banco está fora de serviço

Ocasionalmente, alguns bancos têm experimentado um descontentamento maciço dos usuários nas mídias sociais quando seu sistema bancário online ou aplicativo deixou de funcionar. 

Entretanto, muitos incidentes afetam apenas um dos dois canais e são fixados em questão de horas; além disso, os clientes bancários tradicionais têm agências à sua disposição, um suporte que os usuários de bancos on-line não têm.

Em qualquer caso, pode acontecer que durante o período em que o banco on-line estiver fora de serviço, você precise fazer uma transação com sua conta, tal como fazer uma transferência ou pagar uma conta. Nesses casos, uma segunda conta será uma boa alternativa.

As melhores contas sem taxas e sem vínculos

Dados os cenários acima, vale a pena considerar se vale a pena ter uma segunda conta para impedir que o acesso ao dinheiro seja limitado. O ideal, como recomendado, é ter uma conta secundária que seja gratuita e sem exigências. Para que você possa depositar a quantia de dinheiro que deseja e usá-la somente quando precisar dela.

No mercado atual, você pode encontrar várias contas que atendem a estas características. Por exemplo, o Inter oferece sua Conta Corrente Sem taxas, uma conta 100% digital gratuita para novos clientes que não exigem depósitos de qualquer tipo e também oferece cartões gratuitos para até dois titulares de conta.

Segunda conta bancária - (Foto Pexels)
Segunda conta bancária – (Foto Pexels)

Outros bancos que oferecem contas correntes sem comissões são o Nubank e o C6 Bank. Nubank oferece Conta Corrente Aberta, uma conta sem taxas on-line que não exige depósito e também oferece um cartão de débito gratuito e descontos exclusivos nas principais marcas. 

A C6 oferece a conta ON, uma conta exclusivamente para novos clientes, sem taxas e com cartões gratuitos para todos os titulares de conta, desde que a conta seja administrada 100% on-line, de acordo com o perfil digital do banco.