Home Empreendedorismo Quais documentos são necessários para abrir um negócio

Quais documentos são necessários para abrir um negócio

0
Quais documentos são necessários para abrir um negócio

Os empreendedores que desejam abrir seu próprio negócio devem cuidar de alguns documentos necessários para abrir um negócio sem problemas. Para muitas pessoas, essa é a pior parte, a burocracia tira, muita das vezes, o ânimo de abrir um negócio. Portanto, é importante planejar com antecedência e entender a lista completa de documentos.

Nos últimos anos, o empreendedorismo tem se tornado um projeto de vida cada vez mais popular no Brasil. Os principais documentos para a criação da empresa: CNPJ, CPF, título de eleitor, comprovante de residência e endereço comercial. 

Para ajudar os novos empreendedores que não sabem por onde começar, respondemos a todas as suas perguntas sobre os documentos necessários para abrir uma empresa. Nós o orientamos da melhor maneira.

Quais documentos sao necessarios para abrir um negócio

Antes de tudo, ao listar todos os elementos mencionados no parágrafo anterior, você poderá obter todos os documentos necessários para constituir uma empresa e iniciar as operações.

Documentos pessoais

Quando você decide abrir uma empresa, é muito importante manter seus documentos pessoais separados dos de seus sócios. Isso torna todo o processo mais fácil e rápido. Confira abaixo:

  • Cópia autenticada do RG (carteira de identidade) ou da carteira de motorista.
  • Cópia geral do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF).
  • Se você for solteiro, cópia de sua certidão de nascimento. Se for casado, cópia de sua certidão de casamento atual.
  • Se for o caso, forneça uma cópia de sua licença de uma autoridade reguladora, como o Conselho Regional de Contabilidade (CRC), a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) ou o Conselho Regional de Engenharia (CRE).
  • Última declaração de Imposto de Renda (IR);
  • Uma cópia simples do comprovante de endereço.

Documentos da futura empresa

Mesmo antes de iniciar um negócio, você deve ter algumas informações importantes. Ao formalizar seu negócio, é uma boa ideia ter todos os documentos físicos prontos para evitar problemas. Confira abaixo:

  • Uma cópia simples do certificado de sede registrada; esse documento não é necessário se estiver localizado no mesmo local que o endereço do investidor;
  • Nome da empresa;
  • Atividades da empresa no CNAEs registrado;
  • IPTU.

Documentos para o processo de abertura da empresa 

Primeiramente, a abertura de uma empresa requer documentos importantes, você precisa passar por vários processos para preencher os documentos necessários para abrir uma empresa. Saiba mais sobre cada um deles.

Contrato Social

Esse documento é uma espécie de certidão de nascimento da empresa. Ele é necessário para empresas em que dois ou mais empreendedores desejam formar uma empresa. Ele também inclui as atividades realizadas, o modelo de negócios da empresa e o regime tributário escolhido.

Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica

O processo de registro do CNPJ pode ser feito totalmente on-line por meio do Portal da Receita Federal. Sendo assim, os empresários devem fornecer informações sobre seus estabelecimentos, incluindo serviços prestados, detalhes dos sócios, endereço comercial e outras informações relevantes.

Registro na Junta Comercial 

Ao abrir uma empresa, o registro na Comissão de Comércio é muito importante. É aqui que a sua empresa é criada no mercado e, se você quiser produzir bens ou prestar serviços, deverá registrar a sua empresa.

Inscrição Estadual

Outro documento importante para a criação de uma empresa é o registro estadual. O registro estadual permite que as empresas se registrem para o Imposto sobre Bens e Serviços (ICMS). Dessa forma, a empresa pode vender para todas as partes do país.

Alvará de Funcionamento

A autorização de funcionamento, conhecida como alvará, concedida pelo município, permitindo que as empresas operem de acordo com a legislação. No entanto, para requerer esses documentos, é preciso apresentar o CNPJ da empresa, o contrato social autenticado e assinado, os documentos pessoais dos sócios.

Alvará da Vigilância Sanitária

Por último, as empresas envolvidas em atividades ligadas à saúde, como alimentos, produtos naturais ou cosméticos, precisam submeter uma solicitação ao CMVS (Cadastro Municipal de Vigilância Sanitária).

Quanto custa para abrir uma empresa?

Um profissional autônomo pode iniciar seu negócio praticamente a custo zero, usando seus próprios meios. No entanto, é normal ter de enfrentar diferentes tipos de despesas antes de começar, mas afinal qual o custo para abrir uma empresa?

Capital social inicial

O ideal Capital Social de uma empresa considera a estimativa dos recursos necessários para abrir e operar. Sendo assim, o Capital Social é utilizado para iniciar e sustentar as operações da empresa até que ela comece a gerar receitas suficientes para se sustentar de forma independente.

Aluguel de instalações comerciais

Se um local comercial (ou mais de um) for aberto, além do aluguel ou depósito, é necessário pagar licenças, alvarás de funcionamento, etc. Os impostos locais devem ser levados em conta.

Investimento inicial

Obras ou reformas, móveis, compra de mercadorias, equipamentos e aplicativos de computador, seguros, serviços profissionais, etc.

Custos trabalhistas

Para o empresário, o pagamento mensal de sua contribuição para o seguro social é obrigatório. Sendo assim, para cada funcionário, seu salário e a parte da contribuição ao INSS serão somados.

Dicas para abrir uma empresa

Contudo, já vimos que os documentos são necessários para abrir um negócio, mas abrir um negócio não se trata apenas de despesas ou documentação, é também muito importante fazer uma análise serena e profissional das possibilidades de sucesso. Aconselhamos um bom planejamento prévio para que tudo seja o mais bem planejado possível desde o início.

Aqui estão algumas dicas:

  • Analisar bem o perfil dos possíveis clientes – Onde eles estão, como chegar neles, o que estão procurando, o que precisam ou o que vamos oferecer.
  • Testar o produto – Você pode procurar um canal de distribuição externo para lançar as primeiras unidades, pegar opiniões e verificar a receptividade do público.
  • Estudar diferentes opções de financiamento – São necessárias fontes de financiamento confiáveis e eficientes, não apenas bancos.
  • O mais importante é concentrar-se, desde o início, nos fluxos de caixa – dinheiro que entra e dinheiro que sai. O ponto de equilíbrio baseia-se na conversão de vendas em dinheiro o mais rápido possível. Nossa plataforma de crowdfunding é uma boa alternativa para isso.
  • Calcule o melhor momento para se registrar – Para fins fiscais, você deve evitar o final do trimestre, que já o obriga a apresentar declarações de impostos. Além disso, é necessário ver como o setor se movimenta e seus períodos de pico de demanda.
  • Planeje um horizonte de tempo para avaliar a viabilidade do produto – Portanto, não perca a perspectiva, seja realista e esteja preparado para mudar tudo o que não estiver funcionando.